JM News Portal - шаблон joomla Продвижение

Dois homens, se passando por representantes de projetos sociais do governo, estão forçando moradores da zona rural de Jatobá do Piauí a comprar filtros de água por valores exorbitantes, de 400 a 500 reais, sendo que o valor real do produto não passa de 40 reais no comércio local. As pessoas idosas, principalmente mulheres, são os alvos preferidos destes supostos vendedores. Os casos mais gritantes de violência verbal e ameaças pessoais ocorreram nas comunidades : Tanques, Barro Vermelho,Buritizinho, Água Fria, Macacos e outras localidades vizinhas.

QUER RECEBER NOTÍCIAS EM PRIMEIRA MÃO? ENTÃO CLIQUE AQUI E CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

Os dois homens deixam os filtros nas residências, mesmo sem o consentimento dos moradores, e marcam a cobrança pela venda do produto para o dia 10 de cada mês. A moradora Helena, que foi vítima deste tipo de "venda à força" na zona rural de Jatobá, gravou no celular,uma conversa com os supostos vendedores. No aúdio, o vendedor faz a cobrança da prestação de forma violenta e ameaça causar um prejuízo maior se a mulher não der conta do dinheiro.

Corajosa, Dona Helena diz que não fez nenhuma compra e que vai levar o caso à justiça. Exaltado, o cobrador diz que a mulher é uma velhaca e o tom da discussão ficou ainda mais violento.

 

 

Fonte: A voz do Jenipapo